Notícia ótima!! OutroMundo recebeu apoio institucional de El Positivo, do México, de Noticias Positivas (N+), da Espanha, e de Sinergocios.Info, de Aguascalientes, no México. As alianças se dão em função de afinidade editorial, trabalhamos segundo o mesmo padrão cosmoético. Veja detalhes.

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Jardinagem libertária: anarquismo pro bem da natureza

Com jeito de pegar em vários países, inclusive no Brasil, a moda boa agora é fazer interferências urbanas, replantando em espaço público árvores frutíferas, arbustos e ervas.
A ideia é cada um plantar por conta própria sementes e mudas em ruas, canteiros e terrenos baldios - a ação já foi comparada ao grafite. Tem gosto de anarquia. Saudável anarquia, embora alguns se imaginem soltando "bombas" de sementes. Aliás, a galera também se une aos ativismos da turma pró-bike. Sinais dos tempos: bicicletada e jardinagem libertária, a dupla dinâmica dos novos jovens do planeta.

No Brasil, o ativismo começou por Curitiba. Durante um passeio de bike, dois amigos encontraram uma cena urbana banal: um monte de plantas recém-arrancadas, provavelmente esperando a carona do caminhão de lixo. Encostaram as bicicletas, vasculharam as plantas e viram uma bromélia que parecia disposta a encarar mais um bom tempo de vida. Com a bromélia na garupa, pedalaram até encontrar um local adequado, onde a replantaram. Serviço feito, veio a sensação de que o ato tinha uma dose de anarquia e contestação.
Nascia a expressão "jardinagem libertária", que, ao longo deste ano, espalhou-se de Curitiba para outras cidades do país. A ideia é cada um plantar por conta própria sementes e mudas em ruas, praças, canteiros e terrenos baldios - a ação já foi comparada ao grafite e é alvo de críticas. "Escolhemos esse nome porque, em primeiro lugar, não pedimos autorização para plantar a bromélia. Percebemos que cada um pode interagir criativamente com a cidade ou transferir essa liberdade para o poder público. Nossa idéia não é fazer uma ONG, formar um movimento, nada disso. É uma poética urbana", explica Goura Nataraj, 28, professor de ioga e membro do coletivo Interlux de arte livre, que propõe intervenções no espaço público.

SINCRONICIDADE PLANETÁRIA
Aos poucos, divulgada na web, a jardinagem libertária alcançou Blumenau, Campo Grande, Rio de Janeiro e São Paulo, entre outras cidades. Mas a invenção não foi brasileira, não. Sem saber, os dois curitibanos pioneiros estavam entrando em ressonância com movimentos semelhantes em outros países.
O ponto de encontro virtual é o site guerrillagardening.org, criado por Richard Reynolds para registrar suas investidas noturnas em um canteiro do prédio, no qual plantou lavanda, ciclâmen e dracena. No livro "On Guerrilla Gardening" (sobre jardinagem de guerrilha, em português), lançado neste ano, Reynolds define a atividade como "o cultivo ilícito na terra de alguém", sem vinculá-la a nenhuma vertente ideológica.
Os exemplos incluem ações como a de um jardineiro que plantou 3.400 mudas de maconha num terreno do empresário Rupert Murdoch e a de um grupo que plantava girassóis em Bruxelas e, no ano passado, criou o dia internacional da guerrilha girassol.
Essa diversidade é vista também no Brasil: em Curitiba, as ações são feitas por artistas plásticos, em Campo Grande, pelos vegetarianos, e, no Rio, por pessoas ligadas a ações pró-moradia. “Nós damos a sombra, você a água fresca”, slogan curitibano dos anos 70, convida a coletividade para o plantio de árvores. A galera também se une aos ativismos da turma pró-bike. Sinais dos tempos: bicicletada e jardinagem libertária, a dupla dinâmica dos novos jovens do planeta.

CONHEÇA MAIS

Um comentário:

  1. Muito legal essa iniciativa! Tentei fazer isso uma vez, eu e Silvaninha, plantamos umas mudas de árvores numa praça com pouquíssimas àrvores mas elas não resistiram sem cuidados diários. Isso que era inverno... mas valeu mesmo assim! Bjinho! Tiane

    ResponderExcluir

edição e design

Coordenação, Edição e Design:
RICARDO MARTINS

http://ricardomartinsdesign.blogspot.com/
Editor do site ABSOLUTA e de sua Série Temática, do blog YINSIGHTS, do blog CROP CIRCLES, e moderador das comunidades 11:11, Eu Sonhei com Ondas Gigantes e Crop Circles/Terra Agora no Orkut.

Contatos: r.o.m@terra.com.br
Blog do editor: http://ricardomartins1111.blogspot.com/

Nossa comunidade no Orkut:
http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=38549687

acompanhando a gente

mande seus amigos do orkut pro OutroMundo

vc chegou ao OutroMundo

Busque no OutroMundo

página monitorada/cite a fonte, ok?

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape
Ocorreu um erro neste gadget

subinduuuuu....

voltar pro topo? preguiça de rolar tudo de novo?

clique aqui